Por que o mercado de criptomoedas é volátil?

  1. Início
  2. Tecnologia
  3. Por que o mercado de criptomoedas é volátil?

Por que o mercado de criptomoedas é volátil?

Em março de 2020, no crash do mercado causado pela pandemia do novo coronavírus, o bitcoin teve uma rápida queda de 61%. Após um pequeno período, a criptomoeda se recuperou e teve uma valorização que chegou a 1707% até abril deste ano. Em maio, a moeda digital retraiu 53%. 

Embora possa preocupar a muitos, essa volatilidade é uma característica comum do Bitcoin e de outras criptomoedas. Isso acontece por diversos fatores internos e externos e, para você entender melhor, selecionamos alguns deles. 

1. Mercado em construção 

A capitalização do mercado das criptomoedas, em especial do bitcoin, é grande, mas ainda está em construção se comparada à de outros ativos. Ouro e ações tradicionais de bolsas, como S&P500 ou Nasdaq, já possuem, há anos, um aporte financeiro e institucional muito grande, dando mais suporte para esses produtos.

2. Grandes valores

A oscilação de preços das criptomoedas também é expressiva, considerando o seu alto valor unitário. Isso não é tão visível no mercado de ações tradicionais, pois esses papéis costumam ter preços de comercialização bem menores do que um bitcoin, por exemplo. 

3. Tudo novo

Por ser um ativo novo, público geral e até especialistas ainda estão se adaptando a esse novo mercado. Assim, identificar quais acontecimentos são importantes na análise de preços é uma tarefa ainda em estudo por muitos.

4. Investidores com menos experiência 

Por ser um ativo bastante democrático e acessível no mundo todo, há muitos investidores novatos ou com pouca experiência. Esse cenário, com os ganhos expressivos que as criptomoedas oferecem, atrai muitos “aventureiros” que acabam não sabendo muito bem o que fazer dentro do mercado. 

5. Atualizações

Bitcoin, ethereum ou qualquer outra criptomoeda possuem suas próprias tecnologias e estão dentro de um blockchain. Esses sistemas podem passar por diversas atualizações: cada modificação leva mudanças ao método de trabalho dos mineradores, por exemplo, podendo alterar, assim, o preço do ativo.

6. Regulamentação

Por ser ainda uma classe de ativos completamente nova e diferente do que o mundo já viu, os governos e entidades reguladoras não sabem muito bem como regulamentar o uso das criptomoedas. A falta de uma regra clara e até mesmo geral entre os países também têm impacto sobre o preço das criptomoedas.

Menu