Na NBA, o NFT vale muito mais que 3 pontos

  1. Início
  2. NFT
  3. Na NBA, o NFT vale muito mais que 3 pontos

Na NBA, o NFT vale muito mais que 3 pontos

Os norte-americanos são conhecidos por serem muito competitivos. Ainda quando criança, são incentivados a participarem de projetos, principalmente voltados para os esportes como futebol americano, beisebol e basquete.

Embora dois destes sejam muito populares dentro dos Estados Unidos, o basquete é também reconhecido mundialmente. Não é preciso ser fã do esporte para conhecer nomes como Michael Jordan, LeBron James ou Kobe Bryant.

Sabendo disso, a NBA, liga de basquete norte-americana, juntou a popularidade da atividade com a tecnologia do momento, o blockchain. Por meio de uma plataforma chamada NBA TopShot, os torcedores podem comprar cards dos melhores momentos dos jogadores em quadra.

O projeto foi desenvolvido com a Dapper Labs, que, inclusive, é responsável por selecionar quantos, quais e como essas cartas serão vendidas. É possível adquirir, por exemplo, pacotes começando por US$ 9.

De acordo com informações divulgadas, um dos marcos mais importantes da plataforma foi que, em apenas 24 horas, o site chegou a US$ 37 milhões em vendas. Entre as maiores negociações está um card do astro LeBron James, que chegou a US$ 208 mil.

#nba #topshot #basquete #nft #blockchain #lebronjames #kobebryant

Menu